“O conhecimento não escolhe classe social, nem raça, nem cor. Só ele pode abrir as portas para o mundo”. Essa é a mensagem que a estudante Sofia Severo Galvão, de 13 anos, da Escola Municipal Professor Luiz Maranhão Filho, localizada no bairro de Monte Castelo deixa para aqueles, que assim como ela, sonham em um dia conquistar uma medalha na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep).

Sofia foi medalhista de ouro na edição de 2016 e recebeu o prêmio este ano em uma cerimônia no Rio de Janeiro, que reuniu todos os vencedores.

Mas ela já garantiu presença também na cerimônia do ano que vem, pois foi medalhista de prata  na edição deste ano, em um universo de 18 milhões de jovens que concorreram na competição.

Com aquela modéstia que só os grandes campeões têm, a estudante conta que tudo tem sido fruto de muito esforço, uma vez que nunca se considerou tão boa assim em matemática.

Ainda quando era estudante do 6º Ano do Ensino Fundamental, Sofia tomou conhecimento da competição através de seus professores, que segundo ela, sempre foram seus grandes incentivadores.

Dedicada e sempre competente, a estudante já conquistou de cara uma menção honrosa em sua primeira participação na competição, naquele mesmo ano.

O bom desempenho a fez tomar gosto pelos estudos da matemática e no ano seguinte, em 2016, quando já cursava o 7º Ano, Sofia conquistou sua primeira medalha de ouro.

Desafiada a sempre dar o seu melhor, Sofia se inscreveu na competição mais uma vez e neste ano de 2017 conquistou, com orgulho, a medalha de prata. “Para mim, o mais importante não a medalha, o que importa é o que ela proporciona, que é a possibilidade de aprender cada vez mais, através de cursos ofertados aos vencedores”, disse.

Tamanho resultado também só foi possível graças ao apoio da escola, que segundo Sofia, colaborou de maneira decisiva para a sua preparação. “A escola respira a Obemep, então é impossível não se sentir influenciado. Só tenho a agradecer pela boa preparação e base que todos os meus professores tem de dado”, comentou.

Luiz Antônio Norberto, gestor da escola comemora o resultado. Segundo ele, tudo é fruto de um trabalho em conjunto. “É o talento dos nossos alunos, somado à vontade de fazer a diferença na vida desses estudantes”, declarou.

Portas que se abrem
Sofia já vem colhendo os frutos pelos bons resultados na competição nacional. Por ter conquistado a medalha de ouro no ano passado, ela foi contemplada com uma bolsa no Programa de Iniciação Científica (PIC) da Obemep. O programa tem como objetivo estimular a pesquisa científica na área da matemática entre os jovens estudantes.

Além do curso, ela conta que também começou a se interessar por outras competições. Uma delas foi a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), na qual também foi medalhista de ouro.

“No futuro penso em ser uma pesquisadora. Quero de dedicar mais ao universo científico e isso, com certeza é o maior fruto que eu poderia ter colhido. O gosto e a vontade de estudar e aprender cada vez mais”, comemorou.

Outros destaques
Em 2016, Parnamirim conquistou quatro medalhas, sendo uma de outro de três de bronze, além de 16 menções honrosas

O Prefeito Rosano Taveira explicou que a premiação dos alunos funciona como um exemplo para todos os estudantes. “Estamos orgulhosos dos nossos alunos e professores. A premiação é um reconhecimento da dedicação aos estudos”, disse.

A Secretária de Educação, Francisca Henrique, explicou que o município está investindo em iniciativas de reforço para o desenvolvimento dos alunos. No curso preparatório para o IFRN os estudantes possuem aulas extras de matemática e português, duas vezes por semana.

“O curso está reforçando os ensinamentos passados em sala de aula. Estamos muito felizes com o desempenho dos alunos na olimpíada, mas isso é só o começo. Estamos trabalhando para melhorar nossos resultados”, concluiu.

Medalhistas:
Ouro – Sofia Severo Galvão (E.M Professor Luiz Maranhão Filho)

Bronze – Romana Severo Galvão (E.M Professor Luiz Maranhão Filho|)

Bronze – João Bezerra Silva Neto (E. M. Doutor Sadi Mendes Sobreira)

Bronze – Thiago Alexandre P. de Macedo (E. M. Jacira Medeiros)

Prêmio: Certificado de menção honrosa nível 1
Any Caroline de O. Fernandes – E. M. Ivanira de Vasconcelos

Giulia Ferreira de Xavier – E. M. Erivan França

Iury de Medina – E. M. Brigadeiro Eduardo Gomes

Prêmio: Certificado de menção honrosa nível 2
Antony Cordeiro de C. Silva – E.M Professor Luiz Maranhão Filho

Camila Kadja Silva de Oliveira – E. M. Brigadeiro Eduardo Gomes

Dilmara da Silva Dias – .M Professor Luiz Maranhão Filho

Francinaldo Henrique de Lima  – E. M. Brigadeiro Eduardo Gomes

Francisco Felipe da Silva Pimenta – E. M. Brigadeiro Eduardo Gomes

Gabriel Rodrigues F. de Almeida – E. M. Desembargador Silvino Bezerra

Georgia Carin Martins da Silva – E. M Emerito Nestor Lima

Joana Fonseca Monteiro – E. M. Maura de Morais Cruz

João Gabriel Nóbrega Santos – E. M. Brigadeiro Eduardo Gomes

Leonardo Cannas das Oliveiras Alves – E.M Professor Luiz Maranhão Filho

Vinícius Costa Soares – E. M. Professora Ivanira de Vasconcelos

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA